quinta-feira, 25 de maio de 2017

Bolachas e a-ver-se-isto-me-sai-da-alma

Eu achei que estava bem. Que podia seguir com a minha vida e tu com a tua. Eu estava genuinamente bem, já mal pensava em ti. E tu decides aparecer novamente e dizer-me que já tens outra. Só para as voltas mas já tens outra. E isso abala. Independentemente de eu ter, ou não, outro também, sinto-me abalada. E não me sai do coração um peso enorme. O peso da substituição rápida. Estou triste. Estou magoada.
E já não sei o que fazer.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Dá aí a tua opinião