quinta-feira, 31 de março de 2016

Bolachas Botox

Botox-urbano
Fazer algo - urbanisticamente falando - bonito, mas pouco prático e inútil.

Bolachas-fachada

Cidade-fachada
Tirar a população de uma cidade para meter turistas e estabelecimentos supostamente típicos que de típicos nada têm.

off-topic: Bolachas-fachada : B-fachada eheheheheh 

Bolachas e a gentrificação

Gentrificação
Aquilo que está a acontecer em Lisboa. Valorização imobiliária de uma zona urbana onde os residentes deixam de poder continuar a pagar a casa devido ao aumento absurdo das rendas e onde entram pessoas com mais dinheiro - investidores - e fazem hoteis. Cidade-fachada, deixe-mos esta para outra.

quarta-feira, 30 de março de 2016

Bolachas e as metáforas nauticas

Mas, oh! camaradas! a estibordo de cada interdição encontra-se uma felicidade segura; e tanto mais profunda é a interdição e a pena quanto mais elevada se acha a correspondente felicidade; não é tanto mais alto o mastro grande quanto mais profunda a quilha?
Moby Dick - Herman Melville

sexta-feira, 25 de março de 2016

Bolachas na casa de apostas

Estudante português em Bruxelas relata o que viu: "então.. eu estava ali na casa de apostas e (...)

Bons exemplos meu menino.

Bolachas e vocês é que escolhem os amigos

Todos reclamam que no facebook é só comentários racistas, apoio ao Trump, anti-refugiados, yada yada yada.

Não sei que raio de amigos é que vocês têm porque eu nunca vi nada disso.

Bolachas e tirem-me daqui

Faço a pergunta mais inocente do mundo. Oiço reclamar como se não houvesse amanhã.
Eu devo ser a pior filha do mundo. É que nem posso abrir a boca.
Arre.

quarta-feira, 23 de março de 2016

Bolachas e eles-não-são-islâmicos

Não lhes chamem ISIS nem Estado Islâmico.
Nada têm de estado, muito menos de islâmicos.
Chamem-lhes Daesh. Eles odeiam o nome Daesh.

terça-feira, 22 de março de 2016

quarta-feira, 16 de março de 2016

Bolachas e a central termoeléctrica de Sines

"Eu já ando sem motivação com este projecto então se estivesse na tua turma... aí já tinha desistido"
Tirem-me daqui

terça-feira, 15 de março de 2016

Bolachas e o dilema

Começa o dilema: Princípios ou emprego?

quarta-feira, 9 de março de 2016

Bolachas e tudo-o-que-tens-de-saber-acerca-do-colombo

É impossível entrar no continente por menos de 20 minutos.
Quando atravessas o continente até à outra ponta percebes que o que queres está na oposta.
Por mais que tentes, nunca irás decorar onde são as lojas. 
Nem as entradas correctas. Uma loucura.
Há forma de atravessar a meio. Trust me, nunca a vais utilizar e vais fazer sempre a volta toda.
As lojas são estupidamente grandes, ao ponto de repetirem artigos over and over só para encher.
A probabilidade de encontrares alguém conhecido mesmo que não vivas na zona é de 70%. Maior só no forum Sintra onde é de 98%. 
Irás sempre esquecer-te que não gostas do colombo.
Acabarás sempre por voltar lá.
Sairás sempre a maldizer teres voltado e a rogar pragas à falta de estacionamento não pago.

domingo, 6 de março de 2016

Bolachas integrais

Decido começar a fazer dieta. Não estou gorda, mas não me fazia mal nenhum perder alguns quilos.
Começo a pesquisar receitas adequadas a dietas e sabem o que encontro mais? 
Doces-em-versão-dieta

Assim é complicado.

quinta-feira, 3 de março de 2016

Bolachas americanas

Alguém daqui percebe alguma coisa das presidenciais americanas?
Já se sabe que o Trump é mau mas qual é a cena com a Hillary?
Can please someone explain ?

terça-feira, 1 de março de 2016

Bolachas e as dicas-da-casa-anti-arranhadelas-de-gatos

Para os gatos não arranharem o sofá* é barrar o sofá com Vick Vaporub**. Os gatos não suportam o cheiro.***

*o sofá ou outra coisa qualquer
**Aquele produto que se espalha no peito quando estamos constipados
***A consequência é a casa cheirar a menta o resto do dia

Bolachas hidratadas

Dos bons hábitos que criei em Erasmus naquela terra do frio: batom de cieiro. Oh maravilha dos céus

Bolachas e a covardia

Sempre achei que se escrevia "cobardia" e não "covardia".
Sou uma pessoa mais iluminada agora

Bolachas com garras

(...) Como a maioria dos valentões, basta arranhares a superfície para encontrares pura covardia. Normalmente não é preciso arranhar muito.
Bem-vindos a Joyland - Stephen King