quarta-feira, 8 de maio de 2013

Bolachas desesperadas

Eu choro. Ela chora . Metade de nós chora de desespero por já não saber para onde se virar. Eu preciso de ajuda e tu desapareceste-me. Não sei o que fazer.

2 comentários:

  1. obrigada! e sê bem vinda já agora!
    (suponho que tenhas seguido em anónima, ou então aquilo não fez a contagem ahaha)

    ResponderEliminar

Dá aí a tua opinião