sexta-feira, 31 de maio de 2013

"Bolachas"

"férias"
Agora vou só ali repor o sono que perdi estas 2 semanas

quarta-feira, 29 de maio de 2013

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Bolachas e a frequência

Sabes que não fazes ideia do que escrever num teste quando começas a olhar para as outras respostas e a corrigir os erros ortográficos e a riscar palavras porque a letra não ficou bonita.

Bolachas e frases-que-não-são-minhas-mas-na-altura-tiveram-imensa-piada #53

Pandora: Sabe... era amor...
A mãe da outra: Amor? Bem.. isso é uma grande palavra!
Pandora: Não é nada.. só tem 4 letras!
skins

domingo, 26 de maio de 2013

Bolachas em Sintra

Eu vivo num conto de fadas.
(de certeza que o senhor andou de comboio num Domingo ou num Sábado)

Bolachas e a sorte

Sim, podes crer que és um sortudo.

Bolachas dealers

Esta noite sonhei que conhecia um grupo de japoneses e eles me convidavam a ir ao Japão.
Entrei no autocarro com eles, pronta para viajar, e conclui que não tinha dinheiro para o bilhete de avião.
O que é que eu faço para conseguir dinheiro? Vendo droga ao triplo do preço.
Tenho uns sonhos tão inspiradores...

sexta-feira, 24 de maio de 2013

Bolachas e o dicionário

Animus
espírito; coragem; paixão, ira;

Bolachas e tu és mesmo poeta

Os poetas são sensíveis, têm a vaidade à flor da pele.
O Sumiço da Santa - Jorge Amado

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Bolachas e as divisões

Acabei de dividir 5 por 2 e deu 3,5.
*facepalm*

terça-feira, 21 de maio de 2013

Bolachas e os segredos

Era bom ter segredos. Era bom as pessoas não saberem tudo a meu respeito.
O fim da inocência - Francisco Salgueiro

Bolachas de whisky

Eu, rouca de nascença e com uma voz sexy pra xuxu, hoje acordei com a garganta como se tivesse andado a noite toda a emborcar whiskys, e dormi a noite toda.
Só para ficar registado

segunda-feira, 20 de maio de 2013

Bolacha e os candeeiros

Ela: Vocês estão a falar sobre o quê?
Eu: Candeeiros.
Ela: Candeeiros?!
Eu: Epaaaah, a conversa fluiu tanto que foi parar a candeeiros, não tenho culpa!

domingo, 19 de maio de 2013

Bolachas em Cascais

Não sei bem quem terá inventado que dinheiro é sinal de filhos sem esqueletos no armário.
O Fim da Inocência - Francisco Salgueiro.

sábado, 18 de maio de 2013

Bolachas e o Heavy Metal

A tua sorte é existir heavy metal para que eu possa dispersar toda esta vontade de te matar.

Bolachas TBBT

There, there
Is that it, sheldon?
Yes, that's it
Peço desculpa, eu hoje não consigo melhor.

Bolachas e eu vou para o telhado

Lógica da minha de mãe:
Vou para a sala: estás sempre na sala, não fazes nada, mimimi
Vou para o quarto (único sitio onde tenho um estirador e coisas da escola): estás sempre no quarto, não te Vejo em mais lado nenhum, só vives no quarto, mimimi
Sendo que o escritório "é dela" e na cozinha há demasiado movimento para eu me concentrar, eu pergunto: Será que ela quer que eu trabalhe na casa de banho?

Bolachas e eu-vou-aplaudir

"Amigos da faculdade são para sempre" até ao dia que eles descobrem o que tu fizeste aos teus amigos para sempre do básico e do secundário. Até ao dia em que eles descobrem o quão cabra e traiçoeira tu és. Até ao dia que tu deixas de estar na turma deles e achas-te superior e então estás no teu pleno direito de rebaixar.
Eu estarei aqui para bater palmas no final.

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Bolachas na FAUTL

É triste começar a achar que a teoria que diz que "70% dos rapazes da Faculdade de Arquitetura são gays" é verdade.
São números bastante assustadores...

quarta-feira, 15 de maio de 2013

Bolachas na aula de história

(a jogar snooker no ipad dele)
Ele: Isto tem efeitos, pontaria para a direita e faz tabela ali e coiso e tal e batatas.
Eu: OHHH, ISTO DÁ PARA ESCOLHER A COR DO TACO!
Mas ganhei, claro que ganhei.

Bolachas desarrumadas

Bolacha Sofia em... a importância de ser arrumada
Hoje perdi o comboio porque o meu passe não estava no sitio certo. Perdi 15 minutos da minha vida porque hoje de manhã fui desleixada.
Sinceramente

terça-feira, 14 de maio de 2013

Bolachas trajadas

Coisas que vão passar a constar do meu CV: drunksitter

segunda-feira, 13 de maio de 2013

Bolachas e coisas fascinantes

O ar de horror das pessoas assim que eu lhes explico os meus horários.

domingo, 12 de maio de 2013

Bolachas de design

Há um rapaz lá na faculdade que postou uma fotografia em que em cima da mesa, lá ao fundo, tem o 50 shades of grey.
(e ninguém nos comentários deu conta disso)

Bolachas e as partilhas

Aqui não se aprecia freneticamente futebol. Aqui é-se do sporting. E um bocado do Braga. E do Gil Vicente vá. Aqui não se gosta do Benfica, é verdade, mais por embirração e porque adoro chatear os meus amigos. Acima de tudo aqui partilha-se boas opiniões e textos bem escritos. Façam favor.

Bolachas confortam meninas

Casa é quando fechamos os olhos e ouvimos harmonia.

sábado, 11 de maio de 2013

Bolachas e os casacos alheios

Eu tenho frio. Um rapaz que por lá andava empresta-me o casaco dele. Eu aceito e vou tratar duns assuntos. Quando volto o rapaz já se tinha ido embora, sem o casaco. Eu, num acto de boa fé,  mando-lhe mensagem para o facebook a perguntar se quer o casaco de volta porque eu não tenciono começar um contrabando de casacos. O moço vê (avé facebook que diz quando as pessoas vêem) . O moço não responde.
Alguém quer um casaco ?
Afinal já não, o rapaz lá se decidiu em aparecer xD

Bolachas na cozinha

Das coisas mais irritantes do mundo: estares de ressaca e cheia de fome e, teres uma visita chata na cozinha.
É que nem me levantei assim que percebi quem era.

quinta-feira, 9 de maio de 2013

Bolachas e o nó da gravata

Problemas de estudantes prestes a trajar: como raio é que se ata uma gravata?

quarta-feira, 8 de maio de 2013

Cookies Mad

Be mad, be completely mad.

Bolachas e o meu novo amor

Acabei o Sputnik, meu amor. Apaixonei-me entretanto: os grandes autores têm uma maneira especial de esquivar-se à descrição de amor, Murakami não faz isso. Ele descreve-o de tal forma que eu própria me apaixono, por ele, pelo narrador e pelo resto das personagens. Escrita leve - eu esperava uma coisa chata de ler - li o Sputnik com um prazr que à muito tempo não tinha por ler. 
Em realção ao final - spoiler, spoiler! - eu estava triste porque queria um final diferente. Fiquei feliz quando o meu final imaginado aconteceu. 

Bolachas e a criatividade

- O que importa aqui - murmurei para mim mesmo - não são as grandes ideias que os outros tiveram, mas as pequenas coisas que só a ti ocorrem.
Sputnik, Meu Amor - Haruki Murakami

Bolachas desesperadas

Eu choro. Ela chora . Metade de nós chora de desespero por já não saber para onde se virar. Eu preciso de ajuda e tu desapareceste-me. Não sei o que fazer.

terça-feira, 7 de maio de 2013

Bolachas e as 5 da manhã

Mais estranho do que receber pedidos de amizade de gente que nunca vi mas que temos milhões de amigos em comum, só mesmo receber esses pedidos às quase 5 da manhã.

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Bolachas e ainda das festas

Oh, ainda acerca do post anterior: clicar aqui e aqui.
E aquele pato já se tornou uma piada de amigos...

Bolachas e programação dos próximos tempos

Passo semanas sem ter o que fazer. Quando a semana de frequências está a chegar, quando tenho o trabalho de história, materiais e geometria para fazer, é que:
1.Tenho um encontro super fixe em Sintra que já desmarquei e não volto a fazê-lo.
2. O colega de casa de um amigo meu vai de férias, logo o outro quer fazer um jantar. Álcool até às 2 da manhã que é quando ele nos vai mandar calar se não a polícia volta a fazer-nos uma visita.
3. O meu primo, dois amigos meus e um amigo deles decidem abrir uma produtora de eventos e fazem a primeira festa. Uma grande festa. Uma festa brutalíssima à qual não posso faltar porque eu sou a menina deles. (não sou, mas podia). Álcool a noite toda.
4. Vai começar a semana académica. Álcool a semana toda.
5. Vou traçar a capa. Álcool o dia todo
6. A minha faculdade decide fazer uma festa. Álcool a noite toda e com sorte aquecimento antes disso.
E não querem que a faculdade faça mal a uma pessoa...

sexta-feira, 3 de maio de 2013

Bolachas aplicadas

Eles: Ahhh, vamos a Sintra. Queres vir? Vamos só ter com uns amigos e ficar lá um bocado...
Eu: Deixa estar, vou para casa fazer o trabalho de história.
(e são 11 da noite. Sou ou não sou uma menina aplicada?)

Bolachas e frases-que-não-são-minhas-mas-na-altura-tiveram-imensa-piada #52

"ESTOU DEPRIMIDAA!"
10 likes na publicação da menina.

quinta-feira, 2 de maio de 2013

Bolachas, meu amor

Não será que até as coisas inúteis têm cabimento neste mundo longe-de-ser-perfeito?
Sputnik, meu amor - Haruki Murakami

quarta-feira, 1 de maio de 2013

Bolachas Sonâmbulas

O destino o que é senão um embriagado conduzido por um cego?
Terra Sonâmbula - Mia Couto

Bolachas e o susto

"(...)explosão em praga fere estudantes (...)" 
levantei-me depressa para ir ver a noticia no telejornal. 
Leio e respiro de alivio: eu não tinha percebido praga.