sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Bolachas e o Otelo

(Emília:) Mas os corações ciumentos não se satisfazem com afirmações de inocência; Nem sempre têm razão para as suas suposições; Mas são ciumentos porque são. O ciume é um monstro que se gera a si mesmo e nasce de si próprio.
Otelo, o Mouro de Veneza - William Shakespeare

1 comentário:

Dá aí a tua opinião