quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Bolachas Mia

Tristeza não é chorar. tristeza é não ter para quem chorar.
Mia Couto

Liebster Bolachas

Oferecido pela Super Sónia
E pela Joana também já agora
11 factos sobre mim
+Eu não sou assim tão contra o novo acordo ortográfico.
+Não odeio passar a ferro.
+Quando levanto a mesa, as panelas/frigideiras/terrinas são a ultima coisa porque tenho sempre a esperança que seja a minha irmã a levantá-las (o resto nem me importo)
+À uma semana atrás quis pintar o cabelo, mas já mudei de ideias
+Já plantei uma árvore (mais que uma na realidade)
+Tenho queda para amizades à distância
+Tenho 3 remoinhos no cabelo
+Tenho a mania de mexer o nariz à la Samantha
+Tenho um humor negro muito apurado
+Eu leio a revista Happy, e gosto
+Não gosto de cantar singstar

11 perguntas que a Super-sónia me fez
Se pudesses falar com o teu "eu" à uns anos atrás o que lhe dizias?
Todas as pessoas que vais conhecer, por muito idiotas que sejam, é para tu aprenderes alguma coisa. Não te preocupes que tudo vem na altura certa. E continua a usar calças à boca de sino por mais uns tempos, mais tarde vais te arrepender, mas são esses pormenores que fazem a diferença entre ti e os outros.

Que super poder é que terias?
Ser invisível às vezes, por múltiplas razoes: primeiro, dava para ouvir conversas, esconder-me facilmente e descobrir coisas. Segundo, podia entrar na casa de certas pessoas, mexer objetos e assusta-las de morte. That would be fun.

Se pudesses erradicar alguém do planeta, quem seria?
Eu tenho um deathnote por aí escondido.

Porque é que há luz quando abrimos o frigorifico e quando abrimos o congelador não?
Porque tens a luz avariada. Eu tenho luz nos dois.

Se pudesses ser um desenho animado, qual serias?
Hummm... O Luffy é genial. Mas eu gosto mais da Nami. Meeh, nem sei.

Por que é que os kamikaze usavam capacete?
Para o caso de terem um acidente sem ser propositado.

Se pudesses ser uma DST, qual serias?
Peço desculpa, mas o meu conhecimento em DST's é bastante reduzido. Que raio de pergunta rapariga O.o

Qual era o teu segredos se entrasses na casa dos segredos?
Tenho instintos assassinos.

Que objeto é que serias?
A cesta da fruta. epah, sei lá xD

Se pudesses mudar de vida com alguém, com quem seria?
A Angelina Jolie. Bonita, rica, muito, mas muito bem casada, boa pessoa (ela tem 3 filhos adotados e sei la quantas obras de solidariedade, caramba!)

Se estas realmente a fazer isto, pelo trabalho todo, que recompensa gostarias de ter?
1000 euros eram bem vindos, mas uma barra de chocolate também.


Perguntas que a Joana me fez
Quente ou frio?
Quente.

Longe ou perto?
Pertinho.

Sexo ou amor?
Amizade. BAM

Livros ou e-books?
Livros por amor de Deus

Praia ou campo?
campo

Uma das anteriores ou cidade?
Eu gosto de Lisboa

Música ou cinema?
Música.

Profissão?
Estudante

Irmãos?
Sim.

Quantos?
Uma.

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Bolachas e o karma

(choro, baba e ranho, lencinhos por todo o lado e ar de desastre)
Porque é que toda a gente que eu conheço está minimamente relacionada com música? porquêêê? que mal fiz eu a deus?!

Bolachas drunk and kid

Tu tens um coração bêbado e de criança.
How I met your mother

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Bolachas are blue

Aquela linha fininha que separa a vontade de matar alguém do gostar dessa mesma pessoa.

Bolachas e o arraial

Fiquei sozinha em casa a tomar conta do meu primo.
Tenho um cão, um gato e uma criança de 5 anos. 
NÃO ME QUEREM DAR MAIS NADA, NÃO?!

sábado, 26 de janeiro de 2013

Bolachas saborosas

Podemos só conseguir estar juntos 5 minutos de 2 em 2 meses, mas esses 5 minutos vamos saber saborear.
Anatomia de Grey

Bolachas na volta à França

Há coisas que são como a volta à França: fartas-te de esperar e num segundo já passou.
O fantástico destino de Amélie

Bolachas publicitárias

Ponham os olhos em quem voltou! A mécia tem blog, sabiam ?

Bolachas infernais

Eu: Oh, tenho cá para mim que eu vou para o Inferno...
Ela: ...
Ele: ...
Eu: Hey! é suposto vocês dizerem que eu sou bue boa pessoa!
Ele: De certa forma tenho que concordar...
Eu: Que eu sou boa pessoa?
Ele: Não, que vais para o Inferno.
Com amigos assim...

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Bolachas familiares

Eu: Padrinho, passei a tudo!
Ele: Boa, boa! Como é que correu projeto?
Eu: Meehh... Tive 11, foi um bocado desgraça... enfim...
Ele: Oh, podes sempre ir a recurso
(...)
Eu: Então e tu tiveste quanto a projeto?
Ele: Tive 11 também.
Eu: Já vi que é mal de família...

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Bolachas abalroadas

Querida senhora que hoje me abalroou na estação de comboios com medo que eu fosse para as escadas rolantes e lhe roubasse o lugar: chegava mais depressa se fosse por escadas normais.

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Bolachas de elite

Finalmente eu consegui ver o tropa de elite.
Só para que conste: eu tive o filme 2 anos em stand by

Bolachas idiotas

Who the hell tentou entrar no meu facebook, não conseguiu e ainda teve a lata de pedir para trocar a pass?
Ao menos eram discretos oh cambada de burros.

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Bolachas girly

Eu: Epá, li isso da revista Happy.
Ela: Oh medo...
Eu: Deixa a girly me em paz! ahaha eu até gosto de ler aquilo, tem coisas giras às vezes.
Ela: Eu percebo... eu leio a pipoca mais doce...
Eu: E AINDA GOZAS COMIGO?!

Bolachas debaixo da cama

gato escondido com o rabo de fora
a curiosidade matou o gato
Há provérbios que afinal até têm origens verdadeiras... 

Sleepy Bolachas

Ontem entrei de férias.
Deitei-me às 10 da noite e acordei hoje ao meio-dia. wow

domingo, 20 de janeiro de 2013

Bolachas ardentes

O que arde cura - diz a minha irmã.
Sim, vai lá meter piri-piri numa ferida aberta a ver se cura...

Bolachas HP

Incrível como após tantas vezes que já li O Harry Potter e, apesar de saber a história toda de trás para a frente... eu ainda choro com a morte do Fred. Sempre.

sábado, 19 de janeiro de 2013

Bolachas free

E se o dinheiro não existisse?
Eu queria fazer arquitetura social

Bolachas na arquitetura

Pessoas online no facebook a esta hora: pessoal do meu curso.
(as pessoas de outros cursos têm uma vida, pois)

Bolachas, ainda

Acabei de ir à cozinha. A minha mãe entretanto acordou e perguntou-me:
-Mas tu estás levantada?!
...

Bolachas giras

Giro, giro, é o meu cão a correr atrás da gata e ela a dar-lhe patadas no focinho.
Giro, giro, é o temporal que está lá fora e que me abana a casa toda. E não, a casa não é de palha.
Giro, giro, é o trabalho que tenho para fazer.
Giro, giro, é aquilo que eu não vou dormir até segunda feira.

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Bolachas Spam

Em Setembro um primo meu canadiano veio cá a Portugal. Ele regressou ao Canadá e nós continuamos a falar via facebook. Falavamos sobre musica até que ele me mandou um video qualquer para eu ouvir. 
E esse video foi para a minha caixa de spam no facebook coisa que nem sabia que existia. Encontrei essa caixa de spam hoje e respondi-lhe.
4 meses de demora a responder, deve ser um recorde não?

Bolachas na medicina

Eu quase que podia estudar medicina: tenho sangue e um bisturi nas mãos.
(O bisturi nas artes usa-se como um x-acto mais preciso. dizem eles..)

Bolachas bloggers

Eu encontro um blog. Leio meia dúzia de posts, acho piada e começo a seguir. Aprendo um bocado sobre a pessoa, a sua vida, as suas aventuras. Ligo-me de certa forma a quem me conta histórias, as suas histórias. Contam-me piadas como quem conta piadas a velhos amigos, sem preconceitos. 
Estou na blogosfera desde 2010. Lia um ou dois blogs e decidi criar o meu. Comecei a seguir mais uns quantos e quando dei por mim já tinha passado um ano que aqui andava. 
Desde o ínicio dos tempos que sigo uma blogger que entretanto foi viver com o namorado, trocou de blog, ficou noiva, casou, foi de lua de mel e agora engravidou. Ela por vezes escreve sobre sapatos e mais frequentemente sobre bebés (e eu que babyblog só sigo o da pólo), em situações normais eu simplesmente deixava de a seguir e ia à minha vidinha, mas não consigo fazer isso. É como se abandonasse uma velha amiga, amiga essa que nem me conhece, nem eu sei o nome dela, nem de onde é. Sei exactamente aquilo que ela quer que eu saiba, mas ainda assim é uma amiga, uma história, uma vida. 
Acho que é por isto que nós nos seguimos uns aos outros. A certa altura já estamos tão envolvidos na história que não queremos que acabe. Como uma saga, em que lemos e lemos e quando chega a última página do último livro temos pena, e choramos porque queríamos mais. 
Os nossos blogs são sagas, sem fim previsto.

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Happy Bolachas

Happy Endings
There are no happy endings
Endings are de saddest part,
So just give me a happy middle
And a very happy start

Bolachas, meu amor

Mas meu amor, tu não és tão má quanto te achas, nem tão boa quanto te queres fazer passar.

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Bolachas improváveis

É provável que coisas improváveis aconteçam.
Aristóteles

Bolachas irrequietas

Eu tinha idade para saber que a paixão promete o que não pode: durar eternamente. Pelo contrário, consome-se, e quando mais violenta mais célere.
A musa irrequieta - Pedro Paixão

domingo, 13 de janeiro de 2013

Bolachas maquetistas

Dizem que cheirar cola dá moca.
Damn it!

Bolachas diárias

"Já não vai existir aquela pequena regra de um post por dia"
Não é por mal mas... tu não escrevias no teu blog à meses. E o post anterior ao último tinha sido de 6 meses antes...
Mas, bem vinda outra vez.

Bolachas com leitão

Leitão no seu melhor.

Bolachas Dramáticas

Drama é: descobrires que erraste na planta do teu edificio por 2 mm e que por isso não está coincidente com o piso anterior.

sábado, 12 de janeiro de 2013

Bolachas facetadas

Ele: o teu edifício é todo facetado e tens as casa de banho todas redondas. Se calhar facetavas também as casas de banho.
Ponho as casas de banho todas facetadas como ele queria, o que dá uma enorme trabalheira. 
Ele: Err. Se calhar ficavam melhor redondas.
Eu: Então ponho redondas ou facetadas?
Ele: Não sei. Tanto faz.

O problema é que não é tanto faz, é que eu vou chegar lá e tu vais reclamar que preferias a hipótese contrária à minha. Giro não é?

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Bolachas poderosas

A justiça tem um poder de sedução fora do vulgar, não acha?
O Processo - Franz Kafta
este é o meu post nº1000. wow

Bolachas Blackberry

Desenhos animados que só aparecem aqui porque quem canta é um amigo meu. (o amigo dos feitiços)

Bolachas simpáticas

Eu: Mas queres miminhos é?
Ele: Queroo
Eu: ENTÃO VAI PEDIR À TUA MÃE.
Escrevi isto mas depois apaguei. Só para não dizeres que não me esforço em ser querida.

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Bolachas babadas

A Milady e o Dumas.

Bolachas com pipocas

Antes que me matem todos e já aqui... leiam.  e depois pensem e pensem outra vez.
E sim, a miuda foi parva por querer uma mala chanel, e aquele tom de cascais dá-me um pó que nem vos digo, mas acontece.
E não quero cá reclamações que foi a pipoca que escreveu, aqui quando o texto é bom não interessa quem é que escreveu. Ai ai ai

Oh! Como eu adoro os mexericos da blogosfera!

Bolachas enganadas

Achava eu que ao fazer um post a dizer que adoptei um cão que os meus seguidores iam ficar todos malucos e faladores. Enganei-me
Querem lá ver que isto não é a internet e eu não sabia?!
ou a internet só comenta gatos? também tenho um gato...

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Bolachas e as diferenças

A verdade é que virtualmente não nos aturamos 5 minutos seguidos, actualmente.
Podes me explicar como raio aguentámos 3 meses sem interrupções virtuais à cerca de 2 anos atrás?

E estás a esquece-te da primeira regra: amigos acima de tudo.

Bolachas e a nossa vitima

Eu: Adoptei um cão!
Ela: Não me digas que o A. foi viver contigo!

Bolachas adoptadas

Adoptamos um cão! Chama-se Dumas.  (ou Diumá como a minha mãe diz, em francês ahaha)
(É para combinar com Milady)

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Bolachazz

Querido youtube,
explica-me lá o que é que lamb of god tem a ver com jazz?
(oh, the irony)

Bolachas e os amigos

Devias estar nas caldas. Podes sempre vir a Braga ter comigo. Fazes-me falta no Alentejo. Eu dou-te casa em Coimbra! Vem passar uns tempos ao Porto.
Olhem, paguem-me as viagens que eu vou a esses sítios todos com muito gosto. 

Bolachas na hora certa

(via sms)
Ela: Olha, inventa aí qualquer coisa com utilidade e que seja inovador! Preciso de uma ideia.
Eu: Eu estou num velório!
Ela: Quem é que morre a estas horas?! Sinceramente...
E ela nem fazia ideia se o falecido me era chegado ou não...

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Bolachas e frases-que-não-são-minhas-mas-na-altura-tiveram-imensa-piada #50

(acerca da nova casa dos segredos)
A Fanny não pode entrar! Ela tem de ir prá gandaia!

Bolachas com capa

Não julgues um livro pela capa.
Oh meu deus, é capa rija! Que capa linda, até parece veludo! 
E não quero cá piadas porcas, ok?

domingo, 6 de janeiro de 2013

Craquelin, ou Bolachas vá

Descobri que os rammstein para além de cantarem em alemão, inglês e espanhol... também cantam em francês.
Um bem haja ao youtbe que tem "full album" de tudo e mais alguma coisa. 

Bolachas honradas

(Iago:) A honra é uma coisa invisível, acontece frequentemente que aqueles que a não possuem são precisamente os que ainda a têm a nossos olhos
Otelo, o mouro de veneza - William Shakespeare

Bolachas com creme

Pus o creme de que tanto gostavas do cheiro. Passei o dia todo a lembrar-me de ti ahaha

sábado, 5 de janeiro de 2013

WOOHOOO Bolachinhas

Objectivo de 2012
Não fazer promessas .
WOOOHOOOO, CONSEGUI !
Objectivo para 2013:
Quem precisa de vida nova quando a actual corre bem? Mantém a boa onda.

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Bolachas e a Geografia

Deixa-me ver se eu percebi bem: tu devias ter entregue as notas ontem e acabaste por decidir que as vais adiar até dia 14. Dia do exame da tua disciplina ao qual só sei se vou depois de saber a nota. E ainda dizes isto no final do teu email como se fosse a coisa mais normal do mundo. 
Mas tu és louca?

Bolachas e o Otelo

(Emília:) Mas os corações ciumentos não se satisfazem com afirmações de inocência; Nem sempre têm razão para as suas suposições; Mas são ciumentos porque são. O ciume é um monstro que se gera a si mesmo e nasce de si próprio.
Otelo, o Mouro de Veneza - William Shakespeare

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Mestre Bolachas

"Além da licenciatura, eu fiz um mestrado em matemática. Não fiz o doutoramento porque acho que o título de mestre é muito mais fixe que o título de doutor. Um mestre tem subditos, já um doutor tem pacientes...
Como prova que ser mestre é algo muito mais interessante é que existem várias grandes figuras que o são. O Yoda é o mestre Yoda, não doutor Yoda. Mestre Splinter, Mestre dos Magos (...) tudo mestres e não doutores! Doutor só o doutor Dolitle, pff...   Não sei quanto a vocês, mas cá eu preferia ter ter poderes Jedi do que falar com araras.
Para mim o título emstre tinha que vir depois do título doutor. Ou então até pode vir primeiro o mestre, mas depois vem algo muito mais potente, sei lá... Senhor Imperador do Universo económico, algo assim do género. Ou algo ainda mais fantástico que isto tudo: Brad Pitt. O Brad Pitt é demais! É poderoso. Eu gostava de ter o título de Brad Pitt.
-Então e tu fazes o quê?
-Eu sou Brad Pitt em arquitetura."
Adaptado, já nao sei onde fui buscar isto

Bolachas e frases-que-não-são-minhas-mas-na-altura-tiveram-imensa-piada #49

Tudo o que vai, vodka. De certeza absolut.

Bolachas casadas

Ela: Hoje no programa de velhas da tarde da SIC estava a dar uma rúbrica chamada "casei-me com um padre", lembrei-me logo de ti !
Vai perseguir-me a vida toda não vai?

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Bolachas com razão

(Eles puseram isto a dar)
Eu: Mas.. mas isto é rammstein!
Eles: Não é nada é Halloween.
Eu: É o halloween que está a cantar mas o fundo é rammstein. De certeza.
Eles: Oh, estás pra'i a armar-te que ouves musica pesada.
Eu: Não, não é isso. O fundo é mesmo rammstein.
Eles: Não é nada.
(mimimis e eu desisti da conversa)

Meus caros, é mesmo rammstein. E se eu me lembra-se de qual de vocês é que barafustou comigo eu até lhe mostrava. Mas éramos 19 e eu não me posso lembrar de tudo.
Adoro ter razão. Ainda que só para mim mesma.

terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Bolachas acesas

Digamos que a minha meia-noite resumiu o meu 2012 todo: lágrimas de alegria, saudade e champagne, gritos e danças, gente nova e muitos de sempre. Eu quero que 2013 seja, não 2012 mas parecido, e que sejamos todos felizes.
Eu acendi uma vela por isso.

E encontrei montes de gente, gente que nunca mais pensei em encontrar e que me abraçaram do nada. O que o álcool faz minha gente.. (a eles, que eu consigo ser assim ainda sem beber. e depois de beber. é uma alegria)