segunda-feira, 9 de abril de 2012

Bolachas a rir

(uma amiga perdeu um doente - ou seja: ele fugiu e estava à responsabilidade dela - estando a rapariga em pânico ao meu lado, vira-se uma amigo e diz baixinho para mim:)
Ele: Eles aparecem sempre. Vivo ou morto ele há-de aparecer!
E o que nós nos rimos à pala disto.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Dá aí a tua opinião