quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Bolachas e a cultura-virtual

Ela: (frase super profunda sobre uma treta qualquer)
Stor: Andamos muito inspirados menina Maria*... Gostava de saber onde vai buscar tanta inspiração
Ele: cof* cof* facebook cof* cof*

Bolachas Freudianas

"A sensação triunfal da libertação mistura-se de uma forma demasiado forte com o trabalho de luto, pois ainda gostávamos muito da prisão de que fomos libertos" 
Sigmund Freud (numa biografia)

Bolachas com carpas

Cada vez que vejo alguém a dizer que "ai, o meu lema é carpe diem!", tenho sempre aquela sensação de que:
1- Não fazem ideia do que é
2- Viram isso na net e acharam que os fazia parecer inteligentes
Dá-me sempre vontade de esbofetear alguém.

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Bolachas e a melodia

"Quem não ouve a melodia, acha maluco quem dança"

Bolachas e as melhores coisas

As melhores coisas da vida são grátis
família
amigos
amor
beijos
dormir
abraços
sorrisos
risos
boas memórias
(...)
nepia, ainda se pagam as bolachas

Lady bolachas

postura! chama-se a isto: postura!

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Bolachas e os questionários #2

Ora... se eu pus ali um questionário todo pomposo era para obter resultados. Vá lá... vamos lá a votar! ahah
muito obrigada

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Bolachas e as boas perguntas

Porque é que só descubro que tenho o tetris no telemóvel no dia em que tenho que estudar para o teste intermédio?

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Bolachas fantásticas

Gosto de saber que eu sou um elemento constante nas vossas conversas. Caramba, represento assim tanto?
Afinal sou mais poderosa do que pensava.
Sou Fantástica ahahah

Bolachas resumidas

Se não posso te amar como namorado, ao menos deixa-me amar-te como amigo.
esta frase resume muita coisa

Bolachas com antenas

Esta música é de tal forma viciante que não a consigo tirar da cabeça à dias.
E quando finalmente consigo tirar, ficam músicas da mesma banda. Demais, sem dúvida demais.
SoaD!

Bolachas e gelado

O sonho de todas as raparigas é ter um rapaz que lhe ligue às 3 da manhã que diga: "Amor, só queria te dizer que amo-te para sempre estou cá fora com bolachas e gelado.

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Bolachas e frases-que-não-são-minhas-mas-na-altura-tiveram-imensa-piada #34

A diferença entre tu e eu é que, eu sou princesa o ano inteiro e tu só no carnaval.
e algumas nem isso conseguem

Bolachas mascaradas

Eu sou do tipo de pessoas que se mascara no carnaval, e sempre que tem oportunidade. 
Mas este ano fiquei doente e não estou no espírito. Raios

domingo, 19 de fevereiro de 2012

Bolachas e essa camisa

damn, you look so sexy in those clothes, que até me dá vontade de te telefonar. assim, sem pensar duas vezes.
mas não telefono 
Btw, esse teu amigo é muita giro AHAHAH

Bolachas e a alegria

4 palavras, 19 letras, 1 alegria estonteante
*Amanhã não tenho aulas*

Bolachas em... ah! foi por isto!

Às vezes lembro-me porque é que te deixei. Tipo hoje.
E depois percebo que só me custa quando me esqueço das coisas más e me lembro de ti como pessoa perfeita que não és.

sábado, 18 de fevereiro de 2012

Bolachas de palha

"Eu vou lutar pelos meus companheiros até que eu morra"
Luffy, chapéu de Palha

Bolachas e os questionários

Olha ali um questionário todo bonitinho   ------>

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Bolachas a ensaiar cegas

Há esperanças que é loucura ter. Pois eu digo-te que se não fossem essas já eu teria desistido da vida
Ensaio sobre a cegueira - José Saramago

Bolachas com classe

Estiveste a um passo de eu te mandar à merda hoje. Só não te mandei porque sou demasiado bem-educada.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Bolachas em pânico

Não encontro as fotos do melhor campo de voluntariado que fiz. O que faz com que fique num estado de preocupação enorme.
O que vale é que eu faço cópias das fotos preferidas para pastas. E essas, não as perdi.

Bolachas e o S.Valentim

Torna-se enjoativo as pessoas solteiras que põem nos estados o quão felizes estão por estarem solteiras - e demonstram muitooo desespero.
Mas também enjoa os casalinhos todos cheios de mel. 

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Bolachas na sociedade-original

Depois disto, agora fizeste uma tatuagem do género desta.
Está muito bonita e desta vez tiveste a decência de não dizer que foste original. Mas não foi isso que me chamou à atenção. 

Há uns anos atrás era fixe ter destas tatuagens/piercings. Aliás, era uma cena bué alternativa ter qualquer uma delas. E até ter 2 furos na mesma orelha era alternativo. Os tempos evoluem e toda a gente faz furos nas orelhas - inclusive eu, que tenho 4 dum lado e 1 do outro - acho bem, é giro, eu gosto e não estou a criticar. Pessoalmente nunca fui fã de tatuagens, claro que gosto de algumas que acho que ficam bem - coisas discretas - mas sempre tive aquele pensamento de que "um dia vou ser avó e não me estou a ver a ser avó com uma tatuagem" - chamem-me velha, chamem-me o que quiserem. Eu sou assim e não há nada a fazer. Para mim as tatuagens eram uma coisa de gente com muita coragem e com um certo estilo que me fascinava, não é esta rebaldaria em que toda a gente faz tatuagens por tudo e por nada. "Ai e tal, vi uma imagem no tumblr muito linda, apaixonei-me por aquilo e pumbas, vou fazer!" Que é o que acontece agora na maior parte das vezes. 
Já nem digo que falta originalidade, até porque nos tempos que correm originalidade é uma coisa difícil porque cada vez mais a internet divulga e as pessoas partilham ideias e toda a gente quer ser original, fazendo assim com que ser original seja banal. Já nem digo isso. 
Digo sim que falta personalidade naquilo que fazemos, que falta algo de nosso em cada trabalho, em cada desenho. Talvez por isso eu me sinto mais feliz quando me dizem que eu tenho um estilo meu e  não que sou original. Talvez por isso quando me dizem "vê-se logo que foste tu que escreveste" a minha felicidade atinge o seu auge. 
Não, este não foi um post a falar mal da tua tatuagem - até porque está bonita - este foi sim um post sobre a nova sociedade em que vivemos, onde tudo se partilha e isso é bom, mas perdemos a nossa essência. 

Bolachas e o 2º significado

Eu não quero ser falsa, não faz o meu género. E dizer-te que te adoro de momento seria mentira, podia até falar daquilo que passamos juntas, mas já não faria sentido - pelo menos para mim. Pensei então numa frase bonita, daquelas que vais gostar, mas isso vai parecer que eu "voltei para ti", e na verdade não voltei, simplesmente aceitei. Também tenho noção que, escreva o que escrever, vou ser criticada por todos e por ninguém. E é por isso que pensei numa frase com um significado qualquer bem escondido, para eu não em sentir mal comigo própria e para tu ficares feliz. 
Não sei é qual.

Bolachas com bacardi

Dá-me um martini AHHH
Dá-me um bacardi AHHH
Dá-me uma mini AHHH
só me consigo rir com isto.

sábado, 11 de fevereiro de 2012

Bolachas com batatas fritas

BFF
Batatas Fritas Forever

Bolachas e a estupidez-que-reina-no-ministério-da-educação

Sr. GAVE, quem é que são os estúpidos que põem a 2º fase de História da Arte e a 2º fase de Geometria descritiva no mesmo dia? A sério, quem é que são os estúpidos?!

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Bolachas patrióticas

"E julgareis qual é mais excelente,
Se ser do mundo Rei, se de tal gente."
Luís de Camões - Os Lusíadas

BOLACHAS

Ora por favor, alguém lhe ensine onde é que fica a tecla do Caps Lock. É que torna-se IRRITANTE LER TUDO ASSIM. MUITO IRRITANTE.
obrigada

Bolachas leais

A minha escola escurece à tarde. Nota-se nas músicas.

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Bolachas num pratinho

A noite passada tive um sonho bom. Hoje vou para a cama mais cedo.
too obvious

Hard-Bolachas

Metallica e evanescence no mesmo dia?
Oh meus queridos, é que já lá estou!

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Bolachas esquecidas

Entende que quando eu te digo "esquece" na verdade o que eu te queria dizer era "para de perguntar porque mesmo que eu te explique, tu vais ficar sem perceber e vais perguntar outra vez e eu vou ter que me alongar nas explicações e às tantas vais estar a desviar-te do assunto que realmente era importante. Cala-te por favor e prossegue com a conversa"

Bolachas numa nova era #2

Mas não vou correr atrás de ti.

Bolachas numa nova era

Muito sensata finalmente. Aleluia, Deus veio à terra!
Já estava a ficar farta de só discutires comigo, continuo magoada claro - mas quanto a isso já não há nada a fazer - mas obrigada por teres decidido que já estavas farta de discutir.
Este pode ser o inicio de uma nova era para nós. E espero que sim. Não vamos "voltar" agora, mas num futuro talvez não tão longínquo quanto parecia, talvez aconteça magia.
No final tudo acaba bem.

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Bolachas sem*mentos

Quanto mais escondes os teus sentimentos, mais eles se mostram. E quanto mais os tentas negar, mais eles crescem.
*(ti) [e eu sei que sentimentos é com n ahah]

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Bolachas com papel em branco

um papel em branco, tanto pra dizer, e nem mil e uma noite me vão fazer esquecer.
Não faz parte da minha lista de músicas regulares, mas não deixa de ser bonita. relembra-me muita coisa

Bolachas perdidas

antigamente usava-se estrelas, depois passou-se a usar mapas e hoje em dia temos os GPS.
Eu preciso de um para ir daqui ao Alentejo. E ela também quer um. Alguém lhe arranja?
Persa, minha querida <3

Bolachas amarelo-puro

A amizade é o sentimento mais puro e mais verdadeiro de todos - disse-lhe eu, no decorrer de uma conversa em que ele se perguntava se os amigos durariam para sempre - Então e porquê? - acabou por me perguntar. - É simples: tu gostas dos teus pais porque foi assim que te ensinaram, a gostar deles. A verdade é que quase ninguém se pergunta porque é que gosta dos pais, ou do irmão, ou da tia, simplesmente gosta. Não foste tu que os escolheste e acabarás eventualmente por gostar mesmo deles, mas foi uma relação imposta, não tiveste livre arbítrio. E nunca te conseguirás livrar desse laço, quer gostes deles ou não. Com os amigos não é assim. Tu escolheste-os, e só permanecem se tu assim o quiseres. - ele ficou a pensar naquilo que eu lhe disse até que - Então e o amor? Também somos nós que o escolhemos... -  Ainda pensei em lhe dizer que não, que o amor é outra coisa à parte. Porque tu não escolhes por quem te apaixonas, simplesmente acontece, mas previ mais uma série de perguntas e achei melhor não complicar - Oh, o amor é uma evolução da amizade. - Achava que aquilo serviria para acabar com as perguntas. Não me apetecia aquele tema, ainda mexia demasiado comigo - Evolui como um pokemon?! - Lá estava ele outra vez - Sim, como um pokemon. Só que na amizade existem vários pikachu, aqueles que nunca evoluem para amor mas que são cada vez mais fortes.

Bolachas sorridentes

Mesmo depois de ter conhecido vários novos sorrisos, o teu ainda é o meu preferido

9,4 Bolachas

Sabes que mais? Não concordo nada com a minha nota. Eu que antes era toda em tua defesa porque "ah e tal, até não é assim tão injusta e blá blá blá", acabei por perceber o lado deles. Começa logo no 1º período em que a minha média dava 13 e tal e tu dás-me um 12 no final, Sendo que até sou das que participa mais e o caraças. Mas não foi só a mim, baixaste a nota a imensa gente só porque sim. Excepto uma ou duas em que até subiste, injustas claramente. Já no 11º fizeste a mesma palhaçada, em que passaste uns com muita magia e depois a ela que só precisava da tua nota para passar, não deixaste. E ela esforçava-se mais que muita gente.
Já agora, desde quando é que numa resposta que até estava certa, só por não estar num texto todo pomposo - embora não tenhas sequer pedido um texto em concreto  - conta como 0 direto?! As únicas em que devias poder fazer isso é as verdadeiras e falsas, porque são mesmo "ou sim, ou sopas".
E vou ter uma granda nota no exame só mesmo para ti.

sábado, 4 de fevereiro de 2012

Bolachas com côdea

Ela: (põe uma imagem que diz:) Andas com o meu ex? wooooow, estou a comer pão, também queres a côdea?
Ela #2: tás a ser um bocado espigada... e não sei se percebes que te estás a espigar a ti própria.. mas se quiseres a côdea, diz aí ahah


Independentemente de ser a brincar ou não, eu chorei a rir com esta resposta.

Bolachas e o grito

Fascina-me que ao escrever "van gogh" no google, me apareça uma hiperligação para "van gogh - o grito".
Sendo que o quadro "o grito" não é nem de Van Gogh, nem sequer da mesma corrente artística. 
Google, desde 1900 e tal a contribuir para a ignorância geral.

Btw, o quadro foi pintado por Edvard Munch

Bolachas e uma grande verdade

"A vida não seria melhor com música de fundo. nem de qualquer outra maneira. reflectindo, concluo que a vida é simplesmente aquilo que é: põem-nos no mundo com uma ampulheta e esperam que aproveitemos o tempo que nos resta. conheço poucas pessoas capazes de equilibrar a balança entre o que a sociedade fez e aquilo que os homens querem fazer deles próprios. é impossível categorizar todas as pessoas sob uma ordem que torne evidente aquilo que amam fazer ou para quem têm mais habilidade, mas em determinados aspectos não somos todos diferentes como se diz (como se isso importasse.) não somos únicos, pois a unicidade de algo perdeu toda a importância a partir do momento em que se tornou característica de tudo. não somos iguais, nem diferentes, nem somos nós mesmos; somos sempre os desajeitados, sem saber dizer as palavras certas, como se as houvesse. tem dias que nem humanos somos.
"a vida não é justa, mas é boa"
escrito pela m,
este texto está algo de fenomenal. Não podia concordar mais.

Bolachas explicadoras

Percebe que:
Simpatia não é bater coro
Sinceridade não é ser grosseira
Ciumes não é inveja
Educação não é falsidade
Sorriso não é felicidade
Choro não é depressão
Beleza não é burrice
Feiura não é encalhada
"Também"  não é "amo-te"

Lá está! (e não é que isto me apareceu sem eu procurar?)

Bolachas Seladas

A Poison passou-me este selo. Que vem com um questionário. Sigaaa!
Regras
1 - Quem criou: Carol
2 - Quem mo deu
3 - 10 coisas que marcaram o meu 2011


   1. Cumpri o meu sonho de criança
   2. Um dos meus melhores amigos rachou-me a cabeça
   3. Fiz um campo que para mim foi muito espiritual
   4. Criei uma amizade muito forte com alguém
   5. Perdi uma amizade muito forte, e custou. Mas teve que ser
   6. Desenvolvi o blog (criei-o em dezembro de 2010, mas cresceu em 2011)
   7. Tive um campo de voluntariado que foi uma rebaldaria mas que adorei
   8. Tive um 18 num exame
   9. Fui traída
  10. Li muito shakespeare, e adorei


4- Passar para 10 blogs
É muita gente. Fique com ele quem quiser :D

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Bolachas com novo aspeto

Que tal o novo aspeto do blog?
Na verdade acho que está um bocado colorido demais, mas não sei bem ainda. Se calhar vou acabar por voltar às pintas que tinha antes. Não sei a sério.
Manifestem-se! :D


Observação: entretanto voltei ás pintinhas. Aquilo era estranho demais ahahah
Observação #2 : e que tal quadrados?

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Bolachas egocentricas

Pode-se saber de onde é que foste buscar a ideia que eu queria comer/engraçava com todos os teus namorados? É que essa teoria não tem fundamento nenhum.
Há uma grande diferença entre ser simpática e querer comer alguém.
(e só me consigo rir perante tanta estupidez e egocentrismo teu. a sério)

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Bolachas e frases-que-não-são-minhas-mas-na-altura-tiveram-imensa-piada #33

Tu até podes ter todo o dinheiro do mundo, ter uma mansão e um ferrari. Mas há uma coisa que NUNCA poderás comprar!
Um dinossauro

Bolachas mudas

Nada é permanente neste mundo de gente doida. Nem mesmo os nossos problemas.
Charles Chaplin