sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Bolachas a fazerem coisas ilegais.

Eu sei das conversas que tiveste com eles. Com todos eles aliás. Desde a minha ex-melhor amiga, passando pela gaja que me traiu, a que tu andavas atrás sendo comprometido e acabando no meu "amigo". Eu sei de tudo, mas tu não sabes que eu sei. E não vais saber, não, não vais. 
Sobre a minha ex-melhor amiga só te tenho a dizer: tu dás para os dois lados. Passas a vida a dizer que não te queres meter, mas dás sempre a bela da opinião. Defender-me? Nãã, é melhor concordar com tudo o que os outros dizem. Saber da minha versão? Pra quê?!
E acho incrível o facto de tu incentivares toda a gente a correr atrás de alguém, menos a mim. Podias... sei lá! Em vez de dizeres para ele correr atrás da outra, para ver "futuro" comigo. Mas nãããão, o menino só fala quando não deve e quando deve fica calado. Tiras-me do sério assim. 
Então e andavas a falar todos os dias com a rapariga sendo que tu eras comprometido? Tá-me cá a parecer que tu pertences à laia dos que "dão razões para ter ciumes mas fazem uma cena porque somos ciumentas". E depois a culpa é dela. É sempre dela. Vocês são todos santos. E o que eu dava para saber das conversas daquela pobre alma com as mocinhas todas. Principalmente aquelas que ele me nega e diz que não a pés juntos - e depois eu venho a descobrir tudo, incrível como eu não sou estúpida de todo não é? Fantástico.
Mas pior é tu ires desabafar com ela. Não te dou confiança o suficiente por acaso? É isso? Vê lá!
Oh, vai dar uma volta .

Sem comentários:

Enviar um comentário

Dá aí a tua opinião